Quem vai participar da Hora do Planeta?

A Hora do Planeta é uma campanha mundial idealizada para alertar a população sobre a necessidade da redução do consumo contra o aquecimento global. Isso é fundamental e mesmo campanhas pequenas e menos abrangentes tem o meu total apoio.

Contudo, uma coisa que não me agradou na campanha da Hora do Planeta é a orientação de apagar apenas a luz da sala. E eu tinha até preferido não falar sobre isso. Afinal, alguém acredita que isso vai realmente ajudar em alguma coisa? Alguém duvida que a luz da sala será apagada e a luz do quarto acesa, se não a de todos os quartos?

Fiquei decepcionada com essa falta de foco da campanha. E acho sinceramente que a orientação de apagar apenas a luz da sala, numa campanha desse porte, ajuda mais o mercado publicitário que deve estar faturando em todas as esferas com essa mídia do que o planeta propriamente dito.

Por isso, sugiro que todos que forem aderir à campanha, façam mais!
Aproveite este momento para apagar todas as luzes da sua casa por 1 hora.

Acenda velas, converse, cante músicas, dê uma volta na vizinhança, vá a uma pracinha, saia para caminhar, pense em alguma coisa, procure uma alternativa que não consuma luz elétrica na sua casa. Faça a sua parte porque isso é fundamental para que consigamos algo coletivamente: cada um fazer a sua parte.

Será um sacrifício, eu não vejo dessa forma, mas se para você é um sacrifício, pense que nada de bom se consegue sem algum sacrifício. 

Faça a sua parte, ajude o movimento a realmente conscientizar mais e mais pessoas. É um ato simbólico, é verdade, não vai resolver o problema mas precisamos despertar a nossa consciência. E a dos outros à nossa volta. E por ser uma ato simbólico, de conscientização de cada indivíduo, não pense nas fábricas, usinas e empresas que continuarão acesas. Pense que os funcionários dessas empresas estarão pensando nisso daqui prá frente e quem sabe, da próxima vez, muitas empresas, hoje acesas, estarão apagadas no futuro por conta da conscientização desses indivíduos?

Por isso, participe! Mas não apague só a sala! Apague todas as luzes da sua casa por uma hora!

E reflita sobre isso.

horadoplaneta20092

 

_____________________________________________________________________________

Ana Cláudia Bessa

Apague seu blog

Reusando

p1050063p

A cadeirinha de carro do mais velho começou a rasgar em vários pontos. A cadeira é indicada até um determinado peso e idade e sua capa não aguentou ser usada durante este tempo sem se desgastar. Para piorar, eu coloquei (como sempre) na máquina para lavar e ela rasgou mais ainda. Pensei em comprar outra mas fiquei pensando que essa daqui iria para o lixo e a outra no futuro também. Além disso, ele vai usar muito pouco, já que mantenho-o usando a cadeira apenas porque é mais confortável quando ele dorme.

Pensando na possibilidade de comprar outra capa,  eu, até por curiosidade, consegui o telefone do representante do fabricante (através do site na internet) e fiquei sabendo que uma única capa, nova, custava 140 reais. Não dava para gastar tanto dinheiro em algo que usaremos tão pouco.

Pensei na possibilidade de mandar para um estofador fazer uma igual mas eu já ouvi falar que uma pessoa fez e se arrependeu porque não ficou legal. Nem lembro quanto tinha sido cobrado, acho que foi 90 reais para um estofador aqui perto reproduzir a capa sem garantia nenhuma de que ficaria boa. Aliás, ele já preveniu que perfeita não ficaria.

Tive a idéia de remendar, e o estofador, reticente, topou. Falei que era só para eu usar por mais um tempo, que ele fizesse o melhor possível e graças as orientações que dei, consegui convencê-lo de fazer o serviço que ele falou que não daria para fazer de jeito nenhum porque o tecido estava rasgando com facilidade. Dei as orientações e ele se convenceu e cobrou 20 reais! Topei na hora !

p1050115pPegaria a capa no dia seguinte, ao final da tarde. Não orientei-o a usar um tecido de cor similar à capa porque fiz tantas recomendações de que a única ressalva era que o acabamento tinha que ficar bonito, que o importante era fazer os remendos com capricho, que achei que era óbvio. Apesar de já ter aprendido em experiências anteriores que nada é óbvio. Temos que falar em detalhes quando queremos algo sob encomenda. Tive que pedir , por exemplo, para ele usar um tecido que fosse além do rasgo de forma a não forçar uma parte que já estava cedendo, etc..etc..etc… Parece óbvio, né? Tanto não foi que você pode ver a cor do retalho que ele usou na cadeira. Eu não falei a cor!!! Mas eu nem reclamei porque fico tão cansada de ter que falar tudo e reclamar de tudo que preferi pagar os 20 reais e usar a cadeira durante mais um tempo. E ainda estou feliz da vida.

Pior para ele que sei que não é um cara caprichoso e que cuida dos detalhes do seu serviço. Se ficou ruim, não ficou. Ficou até “fashion”. Poupou o meio-ambiente de um lixo desnecessário e poupou uma boa grana. Mas dava para ficar bem melhor e com acabamento sem essa cara de remendo. Taí o resultado e a dica caso alguém passe pelo mesmo problema. Não jogue fora, não compre outra. Um bom remendo resolve!

________________________________________________________________________________

Ana Cláudia Bessa

Cervejaria recicla resíduos e produz energia para um hospital

Fábricas de cerveja geram resíduos, assim como qualquer outro tipo de fábrica. Como estamos em tempos de cuidar do planeta, nada melhor que uma dessas fábricas começar a dar o exemplo de como ajudar o planeta. Na cidade de La Crosse, próxima da área rural de Winsconsin, a economia é sustentada basicamente por uma grande cervejaria, que além de produzir aquilo que pessoas do mundo inteiro consomem diariamente (alguns em grandes quantidades, inclusive) vem mostrando que é bacana ajudar o próximo, cuidar do planeta e ainda se livrar de um problema com um ato único.

Continue lendo no blog PdB

Lançamento !!! Novas Ecobags!

Lançamento: Bolsas reutilizáveis feitas de 100% PET reciclado

www.futurodopresente.com.br

100%recicladas de garrafas PET pós consumo – 100% recicláveis

Fazemos estampas personalizadas!

Consulte-nos por e-mail: vendas@futurodopresente.com.br

Mais novidades sustentáveis no show do Paralamas

p1040922p

p1040899p

Meu último dia de partipação no Oi Noites Cariocas e a assisti o show dos Paralamas do

Sucesso.A chegada foi tranquila, o tempo estava melhor no Píer da Praça Mauá do que na minha casa. E a entrada foi mais tranquila ainda porque eu já sabia para onde me encaminhar. Enquanto esperava o momento de encontrar os Paralamas antes do show, fui descobrindo a área externa do evento que estava uma delícia sem chuva e pude encontrar muita coisa bacana e reciclada sendo usada no evento. E mais uma vez meu agradecimentos ao Benner -sempre atencioso- e hoje, à Renata que me deu um superapoio sem hífen!

p1040896pp1040894pInfelizmente, os Paralamas só deram uma entrevista e fiquei tão encantada com a delicadeza e educação do Herbert Viana quando pedimos para tirar uma foto com ele, que nem consegui incomodá-lo com perguntas. O mesmo aconteceu com João Barone. Foi um momento tiete mesmo. E como é minha primeira vez fazendo este tipo de cobertura, confesso que fiquei meio perdida e constrangida de fazer perguntas. Erro de principiante, afinal, seria muito bacana saber se ele já participou de algum evento com enfoque sustentável. O show foi sensacional, a temperatura agradável demais dentro e fora da arena de show.

p1040883pMas voltando à sustentabilidade, as luzes dos jardins tinham um dispositivo que gerava energia solar para o funcionamento das mesmas. Os bancos de praça eram feitos de saco de lixo pós-consumo! Nunca tinha visto isso. Pena que a luz não ajudou muito nas fotos à noite. E lá tinha um puff enorme onde as pessoas podiam sentar que era revestido de lona de caminhão reciclada, ou seja, que seria jogada fora. Achei outra idéia fantástica, afinal, sempre que vou a algum evento, sinto falta de local para as pessoas se sentarem confortavelmente.

p1040881p

p1040924pAo final do show, tive a oportunidade de estar com o Luiz Calainho, um dos responsáveis pelo evento. E aproveitei para parabenizá-lo pela iniciativa e agradeci o convite. Agradecimento que estendo a todos que me convidaram e que participaram comigo desta empreitada. Foi um desafio e uma grata surpresa conhecer um evento com enfoque sustentável. Tenho certeza que muitas coisas mais podem ser feitas, muitas coisas podem ser melhoradas mas saibam que a organização do evento, em vários momentos, através de várias pessoas, conversaram comigo a respeito  e estão atentas e ansiosas por isso. Este evento foi um começo de algo que eles não pretendem mais abrir mão: manter e aumentar o foco sustentável nos eventos que organizarem.

Fiquei muito feliz de saber que este é uma caminho sem volta ao passado. Porque é assim mesmo: quando a sustentabilidade entra na nossa vida, não podemos retroceder.

E quem venham mais!

p1040920p

________________________________________________________________________________
Ana Cláudia Bessa

Mais fotos no blog Oi Acontece http://www.oiacontece.com.br/blog/01/25/mais-novidades-sustentaveis-no-show-do-paralamas/

Post ao vivo direto do show: http://www.oiacontece.com.br/blog/01/25/paralamas-e-sucesso/

Skank e mais sustentabilidade

p1040846pNeste sexta-feira o show do Oi Noites Cariocas, ficou por conta do grupo Skank.

Em primeiro lugar, quero agradecer o convite (que não foi pago e não estou recebendo nada por isso) e toda a atenção que recebi desde a minha chegada. Me interessei pelo projeto e só tenho a agradecer a oportunidade de ver tudo isso de perto e poder contar com toda a liberdade sobre minhas impressões a respeito. A entrada estava tranquila para os pagantes e para os convidados ou imprensa, tirando que o local para pegar a pulseirinha estava um pouco distante da entrada e com bastante lama por causa da chuva (recomendo que cuidem do acesso se continuar chovendo).

p1040843pMeu agradecimento especial ao Sérgio (na foto ao lado com a mini lixeirinha de praia feita de plástico reciclado que ganhamos) e ao Benner da produção que foram super atenciosos e preocupados em me ajudar no que eu precisasse. Sendo assim, fui encaminhada logo ao chegar para conhecer a parte sustentável do evento e conversar com as pessoas envolvidas, fotografando e tentando guardar na cabeça o monte de informações que me passavam. Dalí, demos uma volta pela barracas e ganhamos uns brindes oferecidos pelas atividades (as lixeirinhas particularmente achei dispensáveis, pelo tamanho… não cabe quase nada) que estavam disponíveis nas tendas, como games e etc. Ganhei também um squeeze que acho muito legal pois aqui em casa usamos bastante para não usar copo descartável na rua. Meus filhos amam!

p1040838pNão tive tempo de ver o que rolava na tenda da Oi Novo Som, onde se apresentam bandas novas pois antes de terminar o passeio pelas tendas, fomos chamados pelo Benny para ir conversar e tirar fotos com o Skank que estava recebendo fãs e imprensa no camarim.

Eles são super-simpáticos e tive a oportunidade de perguntar à eles sobre o que pensam da sustentabilidade e se já haviam participado de algum show com este enfoque e eles responderam que esta é a segunda vez em toda a sua carreira. Foram divertidos, contando também de shows á luz de velas e sem transporte que já fizeram em locais distantes do Brasil, como sendo oportunidades que não podem deixar de ser consideradas ecológicas! :0)

Mas vejam que interessante, toda uma carreira e apenas dois eventos com enfoque ecológico. Isso é muito pouco se considerarmos que Ecologia e Sustentabilidade é o assunto do momento. Isso prova que são poucas as empresas que realmente saem do discurso para a prática.

Dalí, fui encaminhada para a área VIP para acompanhar o show. Tudo foi muito rápido e bastante corrido e por causa da chuva, não havia muito espaço onde eu pudesse sentar com calma para fazer o post inicial. Sendo assim, sentei dentro da área vip mesmo, num cantinho e fui, no escuro, tentando contar um pouco do que eu já tinha visto e vivido. Já que lá fora a chuva impediu que todos pudessem cutir melhor o espaço, que num dia de tempo bom, deve ser uma delícia.

p1040845p

E aí, não sei se foi a dinâmica dos acontecimentos mas senti falta de um local legal para sentar com calma e fazer a cobertura. Não sei nem onde fica a sala de imprensa. A conexão também não ajudou muito, estava lenta e caia bastante e como os outros blogueiros também ja tiveram esta mesma dificuldade, acho que seria legal a organização dar um enfoque especial a essa questão, afinal este é o produto da Oi.

E comer e beber, realmente estava carooooo! 4 reais uma garrafinha de 300ml, ou seja um copinho!

O show começou e a arquibancada estava lotada. A área vip estava tranquila e a temperatura agradável. Não sei se por causa do friozinho que fazia lá fora… mas o fato que a galera estava animada , o som está ótimo e o palco muito bonito, cheio de luzes e cores! Há muito não ia num show tão agitado e tranquilo ao mesmo tempo. Nada de muvuca. Adorei.

p1040860p

Depois mostro os vídeos do show e do papo que rolou nas fotos, preciso descansar que hoje tem Paralamas e mais sobre sustentabilidade para contar, espero que não chova!

________________________________________________________________________________
Ana Cláudia Bessa

Mais fotos no blog Oi Acontece http://www.oiacontece.com.br/blog/01/24/skank-e-mais-sustentabilidade/

Oi Noites Cariocas-um projeto de evento sustentável!

oinoites10416pAgora vou postar as fotos da estrutura sustentável do Oi Noites Cariocas!

Eu nunca tinha visto nada igual e achei interessantíssimo ter sido convidada a falar sobre isso e mostrar, com toda a liberdade de opinião (e isso é muito importante frisar), como as empresas podem e devem seguir este exemplo. É possível, é viável e é um diferencial importante pois vai além da ecologia em si mas mostra que podemos sair do discurso para a prática. E isso hoje é fundamental.

A Ong Uadema está dando todo o suporte e nos apresentou todo o projeto que foi executado para viabilizar o funcionamento das mini-usinas de tratamento de lixo e esgoto, além das outras ações como o uso de bancos feitos de material reciclado, iluminação à base de energia solar e camisetas de malha PET para o staff (como as do Futuro do Presente)  . Ao lado, podemos ver um banco feito de calota de roda de carro e garrafas PET pós-consumo. Acho que o visual pode ser melhorado mas a idéia é muito legal, desde que a gente se conscientize que se algum dia não quisermos mais este meterial , ele deve ser encaminhado à coleta seletiva, caso contrário, transformar resíduos em utensílios só adia o momento em que eles serão, infelizmente, descartados na natureza.

Abaixo, podemos ver o artista com algumas de suas obras. Destaque para a linda bailarina em primeiro plano e os bonecos ao fundo (todos feitos de material reciclado!) que nos remetem aos personagens comuns do folclore e da arte tipicamente brasileira, adorei!

oinoites10421p

E agora as fotos das usinas e do tratamento dado aos resíduos do evento que foi o que mais me impressinou!

Abaixo a esteira onde o lixo é separado, um fardo de plástico pronto para ser encaminhado à reciclagem e o triturador de vidro. Tudo feito em escala menor para possibilitar a execução durante o evento.

oinoites10426p

oinoites10422p oinoite10424p

A Mini-usina de tratamento de esgoto é interessantíssima:

À esquerda, a primeira torre onde é feita o tratamento do esgoto através de um biodigestor

oinoites10417p

e o filtro biológico que retém as particulas sólidas.

oinoites10418p

Abaixo, o tanque de gigoga que retira os odores da água, bem ao lado do aquário que mostra que a água tratada é saudável para o peixes.  O tanque à direita é onde ficam armazenadas as águas de chuva coletadas pelas calhas da cobertura do evento.

oinoites10419p

Quase 3000 litros de esgotos tratados e mais de 6000 litros de água da chuva reutilizadas. Não é o total do evento pela impossibilidade de disponibilizar uma estrutura grande o suficiente para tal. Infelizmente, não consegui saber o que significa isso em termos percentual em relação ao total de esgoto e lixo produzidos no evento e isso faz muita diferença. Contudo, apesar disso, achei muito legal mostrar a viabilidade de projetos como estes.

________________________________________________________________________________
Ana Cláudia Bessa

Acompanhe também pelo blog Oi Acontece: http://www.oiacontece.com.br/blog/01/24/oi-noites-cariocas-um-projeto-de-evento-sustentavel/

 

Oi Noites (eco) cariocas

p1040815pHoje é a minha vez de cobrir o Oi Noites Cariocas e estou muito feliz de estar aqui porque o evento tem o foco que alia música e sustentabilidade. E o meu blog Futuro do Presente fala justamente  do futuro que vamos deixar para as crianças de hoje. Sendo assim, não podemos deixar de falar de sustentabilidade.

Já pude dar uma geral em todo o evento e estou bastante impressionanda com o que vi e ouvi.

Todo o lixo do evento é tratado numa mini-usina de  tratamento de lixo e já foram tratados mais de 1 tonelada de lixo que será destinado para a reciclagem ao invés de ser descartado na natureza;

Um parte do esgoto é tratada numa mini-usina. Isso porque para tratar todo o esgoto teria que ser uma unidade muito maior e a estrutura não caberia no espaço disponível. Mas mesmo assim, mais de quase 3000 litros de esgoto foram tratados, juntamente com 6000 litros de água da chuva que já foi recolhida, já foram usados para limpeza e rega de plantas do evento.

A iluminação do evento é abastecida por energia solar e  os banheiros químicos são , na verdade, biológicos já que o produto de tratamento usado que foi escolhido é biológico.

Estou muito feliz de ver que tudo isso pode ser feito para que outros eventos possam seguir o mesmo exemplo do Oi Noites (eco) cariocas.

________________________________________________________________________________
Ana Cláudia Bessa

Comente também no blog do evento: http://www.oiacontece.com.br/blog/01/24/oi-noites-eco-cariocas/

Música e Sustentabilidade

oi noites cariocas

Oi Noites Cariocas está acontecendo no Píer Mauá. Para acompanhar o evento, o Oi Acontece convidou os blogueiros Ana Claudia Bessa , Bruno Dulcetti , Dafne Dias , Flavio Lamenza , Pedro Cardoso e Thales Azamor Jordão que vão postar informações exclusivas e suas próprias opiniões sobre o que estiver rolando no Oi Noites Cariocas.

Eu fui convidada por um motivo muito especial: todo o evento tem como conceito Música e Sustentabilidade.

Serão as seguintes ações:

. Gestão de resíduos – Todo lixo produzido na festa será reciclado.

. Mini usina (uma esteira onde o lixo será separado do inicio ao fim)

. Bio digestor.

. Mini estação de tratamento da água.

. Sistema de captação de chuva (caso chova).

. No local terão catadores, técnicos e biólogos da ONG UADEMA.

. No jardim as luzes de decoração serão alimentadas a partir de energia solar.

. O Banco “de praça” será de um material de plástico reciclado. E não madeira!

. As blusas da produção, equipe… serão feitas com material de garrafas pets.

. Convite da inauguração é de material reciclável. (Os outros não são por questão de segurança mas todo o papel vai ser reciclado.)

. O pessoal da ONG vai “treinar” o pessoal do Oi Noites Cariocas sobre como ter uma vida mais “sustentável”.

. Todos os bares entrarão com material reciclável.

Estou adorando esta oportunidade de poder ver de perto uma produção de evento com foco sustentável para podermos mostrar que mesmo podendo-se fazer muito mais, é possível começar em posnto e ações estratágicas relativamente simples mas que inspiram e promovem a idéia de que a sustentabilidade deve estar em todos os níveis, inclusive no entretenimento.

Os shows do Oi Noites Cariocas passarão ao vivo pela internet para quem não puder comparecer e de lá eu poderei postar todas as minhas impressões a respeito do evento com total liberdade e transparência. Acompanhe aqui e assista ao vivo no blog ou no site oficial do evento do show.

No palco principal, a transmissão será das 23:00 às 03:00. A programação é a seguinte:

  • 09/01- Beatles num céu de Diamantes
  • 10/01 – Natiruts
  • 16/01 – Lulu Santos
  • 17/01 – Nando Reis
  • 23/01 -skank
  • 24/01 – Os Paralamas do Sucesso
  • 30/01 – Orishas

O palco Oi Novo Som contará com a presença de novidades do cenário musical brasileiro, haverá transmissão todos os dias que rolarem o evento, das 23h à meia-noite.

Assista o vídeo com a entrevista dos blogueiros também no endereço: http://oinoitescariocas.oi.com.br/videos.php?14329

Estou ansiosa por participar de um evento com foco na sustentabilidade!

Natal Sustentável e Consumo Consciente : tudo a ver!

Este mês a Sam Shiraishi do blog A Vida como a Vida Quer nos convidou a duas blogagens coletivas de extrema importância: Natal sustentável e consumo consciente. Além disso, a Denise Rangel do blog Faça a Sua Parte me contou por e-mail que o blog está convidando a todos a escrever um post sobre sugestões ecológicas de presentes para concorrer a um livro “Seis Graus” sobre aquecimento global e a importânica de fazermos a nossa parte. Então, já que os três assuntos são “unha e carne”, como se diz, vou fazer a três postagens numa só.

Este Natal resolvemos algumas coisas com relação ao comércio ligado à data:
•Eu e o marido não nos daremos presentes
•As crianças não serão incentivadas a escrever cartas ao Papai Noel
•Os presentes das crianças serão educativos de madeira certificada
•Quando for imprescindível presente, daremos um vaso de planta

Por que tomamos essas decisões?

Porque já que o Natal não é (mas foi transformada em) uma data comercial e estamos nos educando a consumir menos e com mais responsabilidade. Preferimos então nos presentear em datas mais comerciais como o Dia dos Namorados (e até lá tudo pode mudar…risos). Conseguiremos sobreviver com tranquilidade a um Natal sem presentes comprados por convencionamento comercial.

Quanto ás crianças, eles ainda não estão atentos a este negócio de carta, logo, não sentirão falta de que não conehcem e qualquer presente será benvindo! E aí, uma excelente oportunidade de dar presentes educativos ao invés dos presentes de marketing de péssima qualidade chinesa. Não precisamos nem dizer o motivo de nossa preferência por madeira certificada…

Quanto aos presentes a terceiros, achamos interessante incetivar a ecologia com um presente que com certeza agrada sempre, por isso a escolha de uma vaso com uma planta.

Essas decisões para um Natal Sustentável vem muito de encontro ao consumo consciente. Por isso escolhemos madeira certificada, por isso escolhemos as plantas, por isso escolhemos consumir menos, com mais moderação e responsabilidade, evitar os supérfluos. Comprar melhor ao invés de comprar mais.

O legal disso tudo é que sempre podemos inspirar pessoas através de nossas atitudes. Quando damos uma plantinha, quando mencionamos que os casal não trocou presentes, quando contamos que demos produtos educativos aos invés de ceder aos marketing dos produtos chineses. que nada de bom trazem ao nosso país.

Não é fácil mudar velhor hábitos, mas é possível. Só precisamos começar, mesmo que dando pequenos passos. Toda uma caminhada começa por ele.
________________________________________________________________________________